top of page

Aparecida/SP nomeia Conselho de Meio Ambiente com a representação da ANAMMA


Com vaga de representação, a ANAMMA Brasil tomou posse no Conselho Municipal de Meio Ambiente de Aparecida/SP (conhecida como Aparecida do Norte) na última sexta-feira. A lei municipal que trata da composição é uma inovação local (aprovada em 2020) para que o município tenha em seu quadro um representante da direção nacional, ampliando assim a voz do conselho.


Com a composição completa – entre membros da Sociedade Civil e do Poder Público, a diretoria executiva passa a ser composta de forma paritária.


O Engenheiro Washington Agueda foi eleito o novo Presidente, ele que representa a sociedade civil (do Santuário Nacional), já vinha realizando um trabalho de excelência frente ao Conselho, teve a sua manutenção na função, seguido do Biólogo – Professor Marcelo Marcondes (Diretor de Relações Internacionais da ANAMMA), completam a diretoria pela sociedade civil organizada.


Pelo Poder Público, a vice-presidência será exercida pelo Secretário de Meio Ambiente de Aparecida, Engenheiro Jhonathan dos Reis e pela Engenheira Ambiental Clarissa Justo (Autarquia SAAE).


A Diretoria Executiva do Conselho ficou composto da seguinte forma:


Presidente: Washington Agueda

Vice-Presidente: Jhonathan dos Reis

Secretária Executiva: Clarissa Justo

Diretor de Comunicação Social: Marcelo Marcondes


Marcelo Marcondes destaca que “fico feliz de ver a composição do conselho, a população precisa ser ouvida e é através do conselho participativo que isso acontece”, Marcondes destaca “ao longo de quase duas décadas colaboro na agenda ambiental, por anos aqui

em Aparecida, muito já fizemos e muito ainda precisa ser feito, vamos atuar para resgatar pautas importantes ao município”.


Para o Presidente Washington “é preciso avançar nas pautas, o município precisa fortalecer a atuação ambiental, ouvir a população e estabelecer a sintonia com o Poder Público Municipal, vamos atuar pela continuidade das ações sustentáveis e das garantias necessárias, teremos uma atuação de fortalecimento da agenda ambiental”.


O Secretário Jhonathan dos Reis reforça a preocupação com a necessidade de pensar em projetos, evitar queimadas e diminuir o pedido de cortes de árvores “queremos estabelecer um planejamento de ações, precisamos conscientizar para a diminuição dos focos de queimadas e, especialmente conscientizar as pessoas da importância das árvores, ou seja, diminuir o pedido de supressão, para isso vamos buscar o apoio do conselho”.


Entre os assuntos tratados após a posse do conselho e a eleição da mesa diretora, surgiu o tema queimadas urbanas, animais abandonados, controle de zoonoses, arborização urbana e outros de grande relevância.

Comments

Couldn’t Load Comments
It looks like there was a technical problem. Try reconnecting or refreshing the page.
Últimas Notícias
bottom of page