top of page

Aterro Sanitário Seropédica, região metropolitana do Rio de Janeiro

Desde Novembro de 2019 se encontra em operação a maior planta de tratamento de chorume com tecnologia Osmose Reversa do mundo, instalada no aterro sanitário de Seropédica que atende a região metropolitana do Rio de Janeiro. Este centro de tratamento de resíduos urbanos é gerido pela concessionária Ciclus Ambiental.


A moderna estação de tratamento tem contribuído para purificar parte do chorume gerado diariamente pelo Aterro possuindo capacidade nominal de 1.000 m³/dia. O tratamento inadequado do chorume pode trazer consequências para todo ecossistema, sobretudo para os recursos hídricos, podendo afetar ainda redes de abastecimento e a saúde da população, por isso seu devido enquadramento é essencial. O sistema OR 1.000 de Seropédica trabalha em duas linhas independentes com capacidade unitária de 500 m³/dia totalmente instalado em 4 contêineres marítimos de 40 pés


AST Ambiente, Soluções e Tecnologia é especializada no tratamento de efluentes e purificação de águas por sistemas membranares, sendo sua presença no mercado de tratamento de chorume uma referência mundial. No Brasil a empresa iniciou suas operações em 2014 e hoje está presente em sete estados brasileiros. O processo é realizado com tecnologia própria de Osmose Reversa (OR) e os equipamentos são construídos em nossa fábrica no Porto, região norte de Portugal.


As principais vantagens que o uso desta tecnologia oferece são:


- Alta qualidade do efluente tratado que consiste em uma água ultra pura, a nível de água desmineralizada, atingindo os padrões legais de descarga;

- Grande disponibilidade do sistema aliado a um processo econômico, eficaz e simplificado;

- Fácil adaptação do equipamento às variações de volume e composição do chorume;

- Rápido arranque e paragem do sistema e alto nível de automação;


Quer saber mais informações sobre o tratamento de chorume através da tecnologia da Osmose Reversa?

Entre no site da AST através do site: www.ast-ambiente.com.br/


Comments


Últimas Notícias
bottom of page